Não deixe para depois...

sábado, 30 de junho de 2012








Conheça os principais pontos do documento da Rio+20

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Veja os compromissos firmados pelos chefes de Estado na Conferência da ONU de Desenvolvimento Sustentável

Líderes mundiais encerram no Rio de Janeiro nesta sexta-feira (22) a Conferência das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, assinando uma declaração que se pauta pelo mínimo denominador comum.

O documento, considerado fraco pela sociedade civil, não traz metas nem prazos, mas uma série de adiamentos e pedidos de estudos. O texto diz que os padrões de consumo precisam mudar, mas não afirma como isso vai acontecer -- em vez de disso, diz que os países vão estudar o assunto. Em vez de estabelecer um fundo de financiamento para ajudar os países menos desenvolvidos, afirma que será estudada uma maneira de arrecadar dinheiro de fontes diversas -- em outras palavras, vão passar o chapéu e ver quanto dinheiro conseguem.

Veja a cobertura completa da Rio+20

O governo brasileiro, líder das negociações, afirma que o documento foi uma vitória diplomática, e que era o "acordo possível". Por diversas vezes, durante a conferência, a delegação brasileira afirmou que as conversas entre os países estavam difíceis, e haviam vários pontos de desacordo.

Veja abaixo alguns dos pontos da declaração final e o que os chefes de Estados estão se comprometendo a fazer:

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Esperava-se que a Rio+20 forjasse metas em áreas centrais, como segurança alimentar, água e energia. Mas havia poucas expectativas de que produzisse um conjunto definido de medidas mandatórias com prazos porque os políticos estão mais preocupados com a crise financeira mundial e a agitação no Oriente Médio.

O acordo propôs o lançamento de um processo para se chegar a um acordo sobre Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que provavelmente vão se basear e se sobrepor à atual rodada de objetivos conhecidos como Metas de Desenvolvimento do Milênio, que membros da ONU concordaram em buscar até pelo menos 2015.

"Resolvemos estabelecer um processo intergovernamental inclusivo e transparente sobre as ODSs que está aberto a todos os interessados, com vista a desenvolver os objetivos de desenvolvimento sustentável global a ser acordado pela Assembleia Geral das Nações Unidas em setembro", diz o texto.

Os objetivos também devem ser coerentes e integrados à Agenda de Desenvolvimento da ONU depois de 2015, diz o acordo.

Um grupo de trabalho com 30 integrantes decidirá um plano de trabalho e apresentará uma proposta para os ODSs à Assembleia Geral da ONU em setembro de 2013.

Subsídios a combustíveis fósseis

Também se esperava que a Rio+20 pudesse definir um compromisso para todos os países para eliminar subsídios aos combustíveis fósseis.

A eliminação gradual de subsídios para combustíveis fósseis até 2020 iria reduzir a demanda de energia global em 5 por cento e as emissões de dióxido de carbono em quase 6 por cento, segundo a Agência Internacional de Energia.

Em 2009, líderes do G20 concordaram em fazer isso em princípio, mas não foi estabelecido um prazo. Um encontro do G20 no México que terminou na terça-feira (19) também fracassou em definir a ideia.

O texto da Rio+20 reafirmou compromissos anteriores de países de "eliminar gradualmente subsídios a combustíveis fósseis ineficazes e prejudiciais que encorajam o desperdício".

Mas não chegou a reforçar o compromisso voluntário com prazos ou mais detalhes, o que frustrou alguns grupos ambientalistas e empresariais.

Oceanos

O texto se comprometeu a "tomar medidas para reduzir a incidência e os impactos da poluição nos ecossistemas marinhos, inclusive através da implementação efetiva de convenções relevantes adotadas no âmbito da Organização Marítima Internacional".

Também propôs que os países ajam até 2025 para alcançar "reduções significativas" em destroços marinhos para evitar danos ao ambiente marinho, e se comprometeu a adotar medidas para evitar a introdução de espécies marinhas estranhas invasoras e administrar seus impactos ambientais adversos.

Também reiterou uma necessidade de trabalhar mais para prevenir a acidificação do oceano.

No entanto, uma decisão muito esperada sobre uma estrutura de governo para águas internacionais, em especial em relação à proteção da biodiversidade, foi adiada por alguns anos.

Estados Unidos, Canadá, Rússia e Venezuela se opuseram a uma linguagem forte para implementá-la, disseram os observadores.

Responsabilidades comuns, porém diferenciadas

Um dos pilares do documento da Eco92 foi o princípio das responsabilidades comuns, porém diferenciadas, que norteia acordos posteriores, como o Protocolo de Kyoto. Seu fundamento é que todos os países são responsáveis, mas quem polui mais (os países mais ricos), deveria combater o problema com mais força e financiar os esforços de quem polui menos (os países mais pobres) e norteia também a questão do financiamentos.

Apesar de esforços de países (como os EUA) para tirar esse conceito do texto final, alegando que o eixo econômico mundial mudou e alguns países, antes considerados em desenvolvimento, hoje poluem tanto quanto os desenvolvidos, numa indireta à China. Apesar da tentativa, o princípio foi mantido.

Financiamento

O acordo pediu um novo processo intergovernamental para produzir um relatório que avalie quanto dinheiro é necessário para o desenvolvimento sustentável, e quais instrumentos novos e existentes podem ser utilizados para levantar mais fundos.

O processo será liderado por um grupo de 30 especialistas, que concluirá seu trabalho até 2014.

Embora alguns países em desenvolvimento tenham pedido a criação de um fundo de desenvolvimento sustentável de 30 bilhões de dólares, a proposta não entrou no texto final. Em vez disso, o texto "reconhece a necessidade de mobilização significativa de recursos de várias fontes".

Sobre o auxílio financeiro aos países em desenvolvimento, o acordo insta os países ricos a fazerem "esforços concretos" para cumprirem a meta acordada anteriormente de 0,7 por cento de ajuda do Produto Interno Bruto para ajudar os países em desenvolvimento até 2015.

Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma)

Outro resultado da cúpula foi reforçar o Pnuma --programa internacional que coordena as atividades ambientais da ONU -- em uma agência com poderes iguais a outros órgãos da ONU, como a Organização Mundial da Saúde.

Esta foi uma das grandes polêmicas das negociações. Muitos países, como os africanos e europeus, apoiavam a iniciativa de transformação do Pnuma numa agência com mais poder e autonomia, enquanto outros, inclusive o Brasil, não apoiavam a ideia.

O acordo propôs que uma reunião geral da ONU em setembro adote uma resolução "reforçando e aprimorando" o Pnuma. Propôs dar ao Pnuma "recursos adequados, estáveis, seguros e financeiros crescentes" do orçamento das Nações Unidas e de contribuições voluntárias para ajudá-la a cumprir sua missão.

Economia Verde

Um dos principais temas da conferência foi o conceito de uma "economia verde", ou melhorar o bem-estar humano e a equidade social enquanto se reduz os riscos ambientais, que poderia ser um caminho comum para o desenvolvimento sustentável.

O acordo reafirmou que cada país poderia seguir seu próprio caminho para alcançar uma "economia verde". O texto dizia que poderia fornecer opções para a tomada de decisões políticas, mas que não deveria ser "um conjunto rígido de regras".

Um novo índice para a riqueza

Outro tópico da cúpula foi garantir que a contabilidade de governos e empresas reflitam lucros e prejuízos ambientais. O Produto Interno Bruto (PIB) sozinho não é mais capaz de avaliar a riqueza de um país, por medir apenas a atividade econômica, mas não a qualidade de vida de seus cidadãos ou seus recursos naturais.

O texto reconheceu a necessidade de "medidas mais amplas de progresso" para complementar o PIB para melhor informar as decisões políticas. Pediu à Comissão Estatística da ONU que lance um programa de trabalho para se desenvolver sobre as iniciativas existentes.


Fonte.: Ultimo Segundo IG

O Brasil no contexto do Desenvolvimento Sustentável.

Para aqueles que têm mulheres de verdade!!!!

Não peçam demais às esposas...

O VALOR DE UMA DONA DE CASA Após o trabalho, o homem chegou a casa e encontrou os seus três filhos brincando no quintal, ainda de pijama, sujos de terra e cercados por embalagens vazias de comida do supermercado.

A porta do carro da esposa estava aberta.
A porta da frente da casa também.

O cachorro tinha desaparecido, não veio recebê-lo.

Enquanto entrava em casa, ia descobrindo mais e mais bagunça.

A lâmpada da sala fundida, o tapete enrolado e encostado à parede.

Na sala de estar: a televisão ligada, aos berros, num desenho animado qualquer, e o chão atulhado de brinquedos e roupas.

Na cozinha: o lava-louça cheio de pratos, a cafeteira do pequeno-almoço na mesa, o frigorífico aberto, a comida do cachorro espalhada pelo chão e até um copo quebrado em cima do balcão.

Sem contar com um montinho de areia junto à porta.

Assustado, desviando-se dos brinquedos e das peças de roupa, subiu as escadas a correr interrogando-se...
. 'Será que a minha mulher está mal?' 'Será que alguma coisa de grave aconteceu?'

A casa de banho escancarada. Encontrou mais brinquedos no chão, toalhas ensopadas, sabonete líquido por toda a parte e muito papel higiênico na sanita.

A pasta de dentes tinha ficado aberta e a banheira transbordava de água e espuma.

Finalmente, ao entrar no quarto, encontrou a mulher, ainda de pijama, a ler uma revista na cama.

Olhou para ela completamente confuso e perguntou: 'Que diabo aconteceu aqui em casa?'

'Por que toda essa bagunça?'

Ela sorriu e disse:

- Todos os dias, quando chegas do trabalho, perguntas-me:

'- Afinal de contas, o que é que fizeste o dia inteiro em casa?'

-'Bem... Hoje não fiz nada, FOFO!'

Só para os mais inteligentes.

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Imagine-se na África, pendurado numa árvore por uma corda que está presa no chão, uma vela queimando a corda e um leão em baixo à espera que a corda se queime. O que você faria para se salvar?
Pensa um pouco, antes de ver a resposta
*
*
*
A solução é:

*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
*
Cantar Parabéns para o Leão...

Cuidado com os comentários...

Minha mulher e eu fomos a uma Feira de Animais e no primeiro box encontramos uma tabuleta que dizia:

" ESTE TOURO CRUZOU 50 VEZES NO ANO PASSADO".

Minha mulher, brincando cutucou-me nas costelas.... Rindo, disse " Hum ele cruzou 50 vezes no ano passado. Uma vez por semana

Continuamos caminhando e no próximo box estava uma tabuleta que dizia:

''ESTE TOURO CRUZOU 150 VEZES NO ANO PASSADO"

Minha mulher me deu uma tapa nas costas e disse: OPA! é mais do que duas vezes por semana!.. Você poderia aprender alguma coisa com ele.

Continuamos nosso passeio e no outro box encontramos uma tabuleta que dizia em letras garrafais:

"ESTE TOURO CRUZOU 365 VEZES NO ANO PASSADO"

Minha mulher estava tão excitada que seu cotovelo quase quebrou minhas costelas: "Isto é uma vez por dia. Você REALMENTE poderia aprender alguma coisa com esse aí".

Eu olhei para ela e disse: "Vai lá e pergunta se foi com a mesma vaca velha".

Meu estado tem melhorado de crítico para estável e, se Deus quiser, devo ter alta dentro de um mês ou dois, sem seqüelas.

Você conhece o Totó?


Se você pensa que o Massa, o Alonso e o Hamilton são corajosos, é por que você não conhece o Totó!

Se você acha que o Mike Tysson, o George Foreman e o Popó são corajosos, você não conhece o Totó!

Se você pensa que o Rambo, o Batman e o Superman são corajosos é porque você não conhece o Totó!

Se você imagina que os policiais do BOPE são corajosos, não viu nada, você não conhece o Totó!
Isso é que é coragem!!!

Com vocês............Totó!!!

Manual do Voluntário.

quinta-feira, 21 de junho de 2012

O mundo muda você, e você muda o mundo.


http://www.slideshare.net/voluntariosonline/manual-para-capacitao-inicial-do-voluntrio



http://www.voluntariosonline.org.br/



Aula de inglês...

_Classe, hoje eu quero que vocês pensem palavras em inglês que usamos sem traduzir e façam mímica para que seus colegas adivinhem a palavra que pensaram, ok?..(sugere a professora)

Julinha foi a primeira. Andando como se olhasse vitrines e segurasse sacolas, arrancou da classe um sonoro "SHOPPING CENTER!!!"

_ Muito bem, Julinha!.. (diz a professora)

Carlinhos abocanha um lanche imaginário e novamente a classe responde.."HAMBURGER!!!"

_Muito bem, Carlinhos!.. (elogia a professora)

Joãozinho, visivelmente animado, pega seu livro e acerta em cheio o rosto do colega sentado ao lado..
A classe surpresa, olha sem entender, enquanto a professora irritada pergunta ..

_ O que significa isso, Joãozinho???

E ele com um sorrisinho amarelo...

_ FACEBOOK

Origem do "UAI" dos Mineiros...

Origem do "UAI" dos Mineiros...

12º PRÊMIO ESCOLA VOLUNTÁRIA ESTÁ COM INSCRIÇÕES ABERTAS

quarta-feira, 20 de junho de 2012

O prêmio tem por objetivo divulgar, incentivar e premiar instituições de ensino responsáveis por projetos sociais que incentivem o trabalho voluntário entre os seus alunos.

O trabalho voluntário deve ser em prol de uma comunidade com a participação de alunos do 9º ano do Ensino Fundamental (ou 8ª série) do Ensino Fundamental e/ou em qualquer série do Ensino Médio.

O Instituto Voluntários em Ação ajuda a avaliar os projetos, selecionando com a comissão julgadora os dez finalistas. Neste ano serão oito estados participantes este ano (BA, MG, RJ, SP, PR, DF, SC, RS).

As inscrições vão até o dia 30 de junho.Para inscrever a sua instituição acesse

Mais informações sobre a premiação no site



Cúpula dos Povos: a sociedade na Rio+20

Movimento E-Book Voluntário 2012.

terça-feira, 19 de junho de 2012

Movimento Blog Voluntário:

Movimento Blog Voluntário, realizado em 2009 e que gerou alguns e-books. Eles são arquivos digitais com dicas e conhecimentos interessantes sobre o mundo digital, perfeitos para quem está começando a se familiarizar com o computador e com a internet.

Repasse para seus contatos, ajudando a diminuir o analfabetismo digital!

Para saber mais sobre o Movimento Blog Voluntário:

O Movimento Blog Voluntário foi uma ideia que surgiu com o objetivo de estender o Dia Global do Voluntariado Jovem ao mundo online. Ele foi elaborado pelo Instituto Voluntários em Ação e funcionou da seguinte maneira: blogueiros escreveram posts para ajudar pessoas iniciantes no mundo virtual e combater o analfabetismo digital.

A primeira edição foi em 2008, e por causa de seu sucesso as ações foram ampliadas em 2009. Com o resultado do MBV, foram feitos quatro e-books com o material postado nos blogs.

http://www.blogvoluntario.org.br/

Divulgue:

Você pode ser um divulgador do Ebook. Apesar de todo o sucesso da iniciativa, ela só terá cumprido seu objetivo se o material chegar às mãos de quem mais precisa.

Ajude-nos nessa causa: seja um divulgador do ebook.

Coloque o selo no seu blog:

Blog Voluntário

Ao total, são quatro e-books:

Volume 1: Computador e Ferramenta:

http://www.slideshare.net/voluntariosonline/ebook-mbv-1

Volume 2: A Internet, Segurança na Rede e Informática:

http://www.slideshare.net/voluntariosonline/ebook-mbv-2

Volume 3: Blogs, Conselhos e Reflexões, Comércio Eletrônico:

http://www.slideshare.net/voluntariosonline/e-booksmbvlivro3

Volume 4: Redes Sociais, Pesquisa, Sites Interessantes:

http://www.slideshare.net/voluntariosonline/ebook-mbv-4

Edição anterior:

Confira aqui os resultados da 1ª edição do movimento.

http://www.voluntariosonline.org.br

Sessão Humor *** Quadrinhos ***

segunda-feira, 18 de junho de 2012


Estatísticas...

Rastrear em tempo real, a posição da Estação Espacial Internacional ISS .